WEB BLOG
this site the web

O amor existe.

 
Quem poderá entender o que se passa dentro de nós, será pesquisa? Será tecnologia? Ou quem sabe um grande psicólogo. Ninguém sabe ao certo, mais de uma coisa eu sei plenamente. "O amor existe". Onde está a felicidade então? Como observar esse tipo de sentimento chamado por muitos de amor.  Ele é resistente a tudo? Nunca falha? tudo suporta? Como tantas perguntas podem ser respondidas por alguém que esqueceu de amar... às vezes usamos tantas desculpas, quando na verdade só queremos dizer não dá mais... te amei como nunca amei ninguém, me desfiz em poesias, lhe contei do meu dia a dia, te entreguei a minha escondida alegria, abri mão de mim por você, troquei minha vida pela sua, fui o quanto eu pode ir, e acredite, fui longe de mais... Me foi feito uma pergunta, se eu me arrependo? Sim! você havia me mostrado algo novo, diferente, sincero, verdadeiro... até poderia ter conhecido outra pessoa, mas foi você, que chegou com esse seu jeito de menina mulher, e me fez acreditar que eu estava vivo! Particularmente acho que o amor é isso... se sentir vivo. garanto que o meu medo é? Deixar de amar! Ele é a chave que abre a porta dela... da felicidade! Uma escolha, uma palavra, um silêncio... mas saiba de uma coisa... às vezes precisamos deste medo, para sabermos que as coisas mudam, desistir às vezes nos prepara para sermos mais fortes, sei que dói a perda, também já perdi... hoje aparecerá uma estrela no céu que brilhará mais que as outras, avisando que estou indo embora sem você, me perdoe se te fiz sofrer.

 

1 comentários:

Anne Kelly disse...

Ameiiiii!

 

W3C Validations

Cum sociis natoque penatibus et magnis dis parturient montes, nascetur ridiculus mus. Morbi dapibus dolor sit amet metus suscipit iaculis. Quisque at nulla eu elit adipiscing tempor.

Usage Policies